Governo de Minas Gerais beneficia mais de 250 famílias com a instalação de aquecedores solares

Governo de Minas Gerais beneficia mais de 250 famílias com a instalação de aquecedores solares

O Governo do Estado, por meio de uma parceria entre Cohab Minas e Cemig, realiza nos próximos dias a entrega de mais de 250 equipamentos de aquecimento solar em sete municípios de Minas Gerais. A instalação faz parte do Programa Energia Cidadã e vai beneficiar famílias que residem em moradias construídas pela Cohab Minas.

A introdução dos aquecedores será realizada em cinco regiões do estado. No Território Alto Jequitinhonha, a cidade de Minas Novas recebe aquecedores no conjunto Barragem.

No Baixo e Médio Jequitinhonha, os equipamentos vão para o conjunto Monte Formoso, no município de mesmo nome.

No Território Norte, o conjunto habitacional Wellington Valério de Oliveira, localizado no município de Monte Azul, e o conjunto Cidade Nova, na cidade de São João das Missões, serão os beneficiados.

Os municípios de São José do Jacuri e São Sebastião do Maranhão, pertencentes ao Território Vale do Rio Doce, recebem, respectivamente, nos conjuntos Residencial Novo Progresso e Santa Cecília o sistema de aquecimento solar.

E por fim, no Território Central, os conjuntos habitacionais Zizinha Maciel e Cristal serão os contemplados em Corinto.

O presidente da Cohab Minas, Alessandro Marques, enfatiza que a implantação do equipamento solar em conjuntos habitacionais é de extrema importância e, beneficia diretamente o mutuário da companhia.

“Esta é uma parceria vitoriosa com a Cemig e os grandes favorecidos são os moradores das casas da Cohab Minas. Isto porque as famílias atendidas, que consomem em média 150 kWh/mês, terão redução de até 40% no consumo total de energia elétrica” diz Marques.

A medida exerce papel fundamental no orçamento doméstico, reforça o presidente da Cohab Minas. “Em dinheiro, essa economia pode chegar a R$ 50 por mês, que poderão ser utilizados em outras despesas, como alimentação, material escolar, vestuário e até no pagamento da prestação da casa”, explica Marques.

Como funciona

O equipamento substitui chuveiros elétricos por sistema de aquecimento solar de água. O sistema é composto pelo aquecedor solar e por um chuveiro elétrico de baixa potência, que nos dias mais frios aquece a água do banho sem gasto excessivo de energia.

A instalação é feita por um profissional especializado, que também instrui os moradores quanto à utilização do sistema.

Resultados até o momento

Num investimento de mais de R$ 15.7 milhões, o Governo de Minas Gerais, por meio de um convênio entre Cohab e Cemig, deu início à nova etapa do Programa Energia Cidadã para instalação de 8.400 aquecedores solares nas unidades habitacionais construídas pela Cohab Minas, a partir de 2005.

Até o momento já foram instalados 2.000 equipamentos e a expectativa é de que até o final de 2017, outros 6.400 aquecedores sejam entregues. Ao todo, 149 municípios serão atendidos, distribuídos nos 17 Territórios de Desenvolvimento do estado.

Programa Energia Cidadã

O programa segue determinação da Aneel, que estabelece que, no mínimo, meio por cento do faturamento líquido das concessionárias de energia do Brasil seja investido em projetos de energia sustentável.

No caso do convênio celebrado entre Cemig e Cohab Minas, uma equipe de técnicos e engenheiros da companhia habitacional emite um laudo que habilita cada unidade a receber a implantação do equipamento.

Após a instalação, feita por uma empresa terceirizada escolhida por licitação, ficam a cargo da Cohab e da Cemig aprovar o serviço. O investimento individual para instalação dos equipamentos é realizado pela Cemig, por meio do percentual da empresa destinado à implantação de energias limpas.